14 jun 2019
Dia Mundial do Doador de Sangue


min de leitura 3 comentários

Hoje é o Dia Mundial do Doador de Sangue. A data surgiu em 2014 e é uma iniciativa da Organização Mundial de Saúde (OMS) para homenagear aos que já são voluntários e conscientizar aos que ainda não doam.  

Doar sangue é um ato de solidariedade, cuja a única consequência é salvar vidas. Não existem vantagens decorrentes da doação de sangue, mas diariamente pessoas passam por intervenções médicas de alta complexidade como transfusões, transplantes e tratamentos oncológicos que necessitam de sangue para viver 

Segundo a campanha #PartiuDoarSangue, no Brasil, apenas 1,8% da população se dispõe a doar sangue, enquanto o ideal seria 5%. Por isso a importância em campanhas de incentivo a doação. 

Para esclarecer as dúvidas e mudar o atual quadro, saiba se você pode ou não ser um doador. 

Quem pode doar?  

De acordo com o Ministério da Saúde, podem doar sangue no Brasil, pessoas entre 16 e 69 anos, em bom estado de saúde e que pesam no mínimo 50 quilos. É necessário estar descansado, não ter ingerido bebida alcoólica nas 12 horas anteriores à doação e não estar de jejum. Para o dia da doação é imprescindível apresentar identidade com foto.  

Homens podem doar sangue até quatro vezes ao ano com intervalo de dois meses  e mulheres até três vezes ao ano com intervalos de três meses.  

Como doar sangue? 

 Procure na sua cidade por unidades de coleta e Hemocentros para averiguar se suas condições estão de acordo para a doação. O próximo passo é o desejo de salvar vidas!  

 Quem doa sangue, salva vidas! 



Comentários
Seja o primeiro
a saber!

Cadastre-se e fique por dentro das nossas novidades!

Quer tirar uma dúvida?
Entre em contato conosco!